podes pensar, podes falar, mas tudo o que escrevas tem o poder de ficar.
18 de Novembro de 2012

 

 

 

Gostava de saber o que vocês escondem, aquilo que vocês contam ou não contam. Quando vos olho, apenas sinto a humilde sensação de vos despir, de vos retirar a roupagem que as capas vos galaneiam e me atirar no vosso intimo como um saltador que perpétua o seu honesto e altivo salto para uma água de letras, onde as frases se entrelaçam como pequenos jogos de prazer. O vosso corpo tem formas misteriosas, deliciosamente apetecíveis, onde os meus lábios sorveriam todos os momentos em que o desejo roçasse a paixão. Olho-vos com ternura, mas com a tristeza de vos terminar, naquele preciso instante em que as palavras terminam e se cai num vazio inaudito, onde a voz fica presa nos silêncios do fim. Agarro-vos e aprisiono-vos, na memória, em redutos desnudados de preconceitos, mas onde o conhecimento habita como um ermita assombrado pela dúvida e pela incerteza do tempo em que os meus dedos voltarão, de novo, a tocar-vos, os meus olhos a ler-vos e a minha alma a abraçar-vos.

Em vós não há tempo que o tempo possa esquecer. Em vós apenas vejo tudo o que a história conseguiu escrever nas estórias que em vós se erguem e vivem, mesmo que por uma fracção, a vida apenas possa ser esse mesmo tempo em que vos deitaste em meu regaço, mas partilhaste o mais inolvidável sabor do meu íntimo.  

publicado por opoderdapalavra às 17:36
Novembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
16
17
19
21
23
24
25
26
27
28
29
30
Posts mais comentados
5 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Encontrei o texto hoje...Uma pequena correcção, as...
Obrigado Isabel. Concordo consigo, os Amigos apena...
Carlos, bonita homenagem a um amigo. Que o Luís re...
O que mais me chama a atenção, neste...
A tua escrita acompanha o teu espírito. Amadurece ...
Grata, sorrisos :o)
Quente.Arrebatador.
Leitura muito agradável :)Convido a leitura do meu...
Excelente!!Sinto-me representado.Sim, sou eu: o po...
O discurso é apelativo aos mais nobres sentimentos...
blogs SAPO